II Cartas a Lúcia

Lembras-te do domingo em que decidiste organizar um chá das cinco? Estavas nos trinta e querias viajar — tinhas aquela chama, prenúncio de re-invenção. Querias que te ajudássemos a escolher, nem tu sabias bem o quê. Sonhamos que somos para, mais tarde, não sermos e, quando paramos para re-avaliarmos-nos, temos fome. Fome e sede.  E…

I Cartas a Lúcia

Um poema por semana foi o que prometi a Lúcia. Um poema por semana foi o que Lúcia me prometeu. Preito de Almeida Garrett em Folhas Caídas «É lei do tempo, Senhora, Que ninguém domine agora E todos queiram reinar. Quanto vale nesta hora Um vassalo bem sujeito, Leal de homenage e preito E fácil…